in

Paroles de Eu Não (O)mito par Gisele Bloete

Eu Não (O)mito par Gisele Bloete
🎵

Tá tudo assim
Tá tudo um absurdo
Se tu diz A
Eles distorcem tudo
Se tu diz B
Se fingem que são surdos
Só não quer ver
Quem não está disposto

O mundo inteiro disse que não dá
O brasileiro se deixa levar
Discurso vago de quem nada entende
Só quer brincar com essa gente

Se é do povo mas nada fez
Eu não omito, ele jamais
Sua artilharia é a ignorância
Que acerta em cheio
Sua militância

Se em tantos anos nada e nada fez
Só quer mais tempo
Pra se manter burguês
Na hipocrisia fez o seu nome
Na violência tem seus seguidores

Se é do povo mas nada fez
Eu não, o mito, ele jamais
Sua artilharia é a ignorância
Que acerta em cheio
Sua militância

Tantas mentiras teve que contar
Povo cansado quis acreditar
Na insanidade ele ganhou força
No bem e o mal a luta se reforça

Se é do povo mas nada fez
Eu não omito, ele jamais
Sua artilharia é a ignorância
Que acerta em cheio
Sua militância

  • Titre la chanson : Eu Não (O)mito
  • Par : Gisele Bloete
  • Hashtags populaires : #Não #Omito

On vous invite à partager les paroles avec vos #amis sur Facebook et Pinterest 🎵 !

What do you think?

98 Points
Upvote Downvote

Laisser un commentaire

Votre adresse e-mail ne sera pas publiée.

It's All Right

Paroles de Fala Comigo par Gusttavo Lima (lyrics)

It's All Right

Paroles de En La Sombra de El Shaddai par Paul Wilbur (lyrics)